15ª TEMPORADA
Data: 10/OUT

Fotos | Promo | Sinopse

16/07/2019

Girl power: As personagens femininas mais fod#nas de Supernatural até agora.


Numa fase onde o girl power e o emponderamento feminino estão sempre sendo os assuntos destaques, nada mais justo do que lembrar as mulheres mais fortes que já conhecemos em Supernatural.

Embora o foco principal de Supernatural tenha sido o relacionamento entre os dois irmãos, Sam e Dean, a série também contou com muitas lideranças femininas fortes. Nas temporadas iniciais, muitas das personagens femininas foram apresentadas como parceiras românticas para Sam ou Dean. A maioria dos pares românticos, infelizmente, não teve a chance de ter um efeito duradouro, e não pudemos ver exemplos de sua força. No entanto, algumas dessas líderes ainda conseguiram se destacar.

Além disso, Sam e Dean tiveram seu quinhão de figuras maternas, caçadores, inimigos e aliados. As líderes femininas nesta lista são fortes por diferentes razões, algumas por suas habilidades, algumas por sua resiliência e outras por seus valores. Além de ler sobre essas personagens que adoramos conhecer, no fim desta página você pode votar na sua favorita para descobrirmos qual a preferida dos hunters.

SHERIFF DONNA HANSCUM

Não deixe a personalidade alegre de Donna distraí-lo da força que ela possui. Depois de aprender sobre o mal lá fora, Donna não se esconde, mas decide enfrentá-lo de frente. Ela se torna uma grande caçadora e amiga de Sam e Dean. Quando ela e Jody (outra líder feminina forte) se unem, elas trabalham muito juntas. Ainda assim, ao longo de todo o trabalho duro e assustador, Donna mantém sua visão positiva e crença de que as coisas vão dar certo. Ela é um pedaço duro de sol.

KELLY KLINE

Kelly Kline pode não ser um personagem que você veria automaticamente como forte, mas ela é extremamente forte. Quando Kelly fica grávida do filho de Lúcifer, ela tem uma forte crença de que seu filho será bom e não do mal. Para proteger o filho, ela usa seus recursos. Primeiro, ela usa Dagon, um príncipe do inferno, para ajudar a proteger seu filho. Então ela convence Cas, um anjo, para proteger seu filho.

Ela diz a ele que quer que Cas seja o pai de seu filho e, sob a orientação de um anjo, seu filho (Jack) deve ser bom. Embora ela saiba que dar à luz a Jack a matará, ela não se ressente com ele. Enquanto ela está grávida, ela diz a Jack para crescer rápido para que ele possa se proteger. Jack nasceu adulto. A fé de Kelly em seu filho provou ser verdadeira, Jack (com uma alma) era bom, capaz de grandeza e sempre se esforçando para ser melhor.

ELLEN & JO HARVELLE

É difícil separarmos essa dupla de mãe e filha, pois parte de sua força veio uma da outra. Ellen e Jo aprenderam a viver sem o pai de Jo, um ex-caçador morto durante uma caçada com John Winchester (pai de Sam e Dean). Eles não apenas ganham a vida trabalhando na barra de caça, mas também são respeitados e conectados na comunidade de caçadores.

Quando Jo decide que ela quer ser uma caçadora, Ellen eventualmente concorda com a ideia e começa a caçar também. Ambos passaram por muita coisa, mas ficaram mais fortes com tudo isso. No final, elas morreram juntos, levando alguns cães infernais com elas! Jo foi apresentada como um potencial par romântico para Dean. Nós gostaríamos de vê-la retornar e cumprir essa possibilidade.

CLAIRE NOVAK

Claire teve uma boa jornada. Jimmy, seu pai, era a casca de Castiel (e tecnicamente, ainda é). Quando Jimmy estava prestes a rejeitar a casca novamente, Castiel entrou em Claire como outra casca. Jimmy não queria ver sua filha sujeita ao mesmo destino, então ele pediu a Castiel para tê-lo como sua casca novamente. Dentro de um curto espaço de anos, Claire perde seu pai e sua mãe. Então ela perde amigos.

Claire passou por muita coisa, e muito disso teria quebrado outro personagem, mas Claire decide ser uma caçadora. Ela se torna parte de uma família improvisada, com Jody no centro como a figura materna. Esta família deveria ser parte de um spin-off de Supernatural chamado Wayward Sisters, que nunca realmente tirou os pés do chão (apesar de ter seu piloto-base exibido). Ainda esperamos que assim possamos ver essas personagens femininas trabalhando e lutando juntas.

SHERIFF JODY MILLS

Somos apresentados à Jody na 5ª temporada como o xerife da cidade natal de Bobby Singer, onde os mortos estão voltando à vida. Um dos mortos é o próprio filho de Jody. Inicialmente, ela não quer questionar esse milagre. Então ela vê seu filhinho matando e comendo seu marido. Sam faz a ela uma gentileza matando seu filho zumbi por ela.

Este poderia ter sido o fim de sua história, mas ela se torna uma caçadora e amiga de Sam e Dean. Enquanto sua introdução à família Supernatural foi devido à tragédia, ela se tornou alguém que os irmãos poderiam confiar. Além disso, depois de sofrer tudo isso com seu filho e marido, ela ainda tem um grande coração e abre sua casa para três jovens mulheres, tornando-se uma figura materna para todas as três. Diria que é sobre resiliência.

CHARLIE BRADBURY

A Charlie original era como uma irmã para Sam e Dean. Sua força veio de sua resiliência, flexibilidade e inteligência. Depois de descobrir que havia males sobrenaturais por aí, Charlie aprende mais e se torna parte da família. Ela continuamente ajuda Sam e Dean.

Em seu último ato de vida, ela estava procurando uma maneira de salvar Dean da marca de Caim. Poucos poderiam ter encontrado e adquirido o Livro dos Condenados (o livro que poderia ajudar Dean), mas ela o fez. Além disso, Charlie estava disposta a ir para outros reinos. Ela viajou para Oz para ajudar Dorothy. Sua flexibilidade, inteligência e motivação para ajudar outras pessoas a coloca em nossa lista das lideranças femininas mais fortes.

RUBY

Até este ponto, os personagens da nossa lista são heroínas ou o fiéis aliadas. Ruby, embora aliada por um tempo, nunca foi alguém em quem confiar. Alguns colocariam Lilith acima de Ruby, mas Ruby acabou sendo mais forte por ser inteligente. Ela queria libertar Lúcifer, mas não podia contar aos outros demônios sobre isso. Então, ela fingiu estar do lado dos Winchesters para conseguir o que precisava: Sam para quebrar o último selo (matando Lilith). Ela manipulou a situação e todos aqueles ao seu redor para que ela pudesse conseguir o que queria. Embora não seja um herói, ela foi definitivamente uma das mais fortes lideranças femininas (se não a mais forte).

MARY WINCHESTER

Até Mary voltar, sabemos que Mary era uma pessoa especial que amava sua família carinhosamente. Até mesmo sua presença fantasmagórica em sua antiga casa protege Sam e Dean de uma presença maligna. Então, quando ela volta, vemos outra razão pela qual Mary é especial: Mary é uma grande caçadora.

Ela serve como um modelo para seus filhos e se torna abraçada pela comunidade de caçadores. Mary morreu e voltou à vida, sofreu uma lavagem cerebral e se transformou em uma arma que perdeu muitos de seus familiares e amigos. No entanto, através de tudo isso, ela permaneceu forte e inteligente. Seus valores motivaram os outros.

ROWENA

Rowena também é uma sobrevivente. Inicialmente apresentado como uma vilã, Rowena se tornou um aliado. Ela é uma bruxa habilidosa e é quase imortal. Anteriormente, ela estava mais preocupada em sobreviver. No entanto, depois de sua morte brutal por Lúcifer (ela soletrou-se para voltar à vida) e a morte de seu filho, Rowena é transformada. Ainda assim, uma personagem forte com fortes habilidades mágicas, ela se importa mais para fazer a diferença. Como Mary, Rowena também é uma mãe resiliente. Embora ela não seja tão ideal para uma mãe quanto Mary, ela se torna alguém com quem se pode contar.

AMARA

Não há uma liderança feminina mais forte que Amara. Amara é a escuridão e a irmã de Deus. Como seu irmão, ela pode criar e tirar. Quando os anjos tentam feri-lá com todo o seu poder, isso não faz nada. Quando outros tentam danificá-la, acabam se machucando mais do que ela. Ela pode trazer de volta os mortos como ela faz com Mary. Amara é uma força. Suas habilidades são quase ilimitadas.

LILITH

Quando Lilith é mencionada sendo um dos demônios mais poderosos do mundo, os rapazes não imaginavam que enfrentariam o primeiro demônio criado a dedo por Lúcifer. Sua primeira aparição foi como uma menininha, e como crianças em Supernatural geralmente não são boa coisa, ela era cruel. Foi peça chave para o início do Apocalipse na Terra, quando sua tarefa era se crucificar para libertar Lúcifer, sendo o último dos 66 selos quebrados por Sam. Lilith era extremamente forte e ainda usava estratégias como sua sensualidade e o deboche, provocando Sam a cumprir a última etapa antes de liberar o Diabo. A cena de sua morte no final da 4ª temporada, quando Sam a mata e rompe o selo, é uma das mais icônicas da série.

ABADDON

Abaddon foi introduzida na jornada dos Winchester na 8ª temporada, quando apareceu caçando Henry Winchester, um Homem de Letras e avô dos irmãos. Ela é uma Cavaleira do Inferno poderosa que, além forte, conta com a ajuda do seu pequeno exército de demônios que a apoiam para tirar o trono de Crowley e se tornar a Rainha do Inferno. Uma das figuras mais interessantes já apresentadas, ela traz todo seu charme e se junta ao time das ruivas poderosas da série.

BELA TALBOT

Sua personagem é apresentada na 3ª temporada. Ninguém diria que uma ladra incomodaria tanto. Com exceção de Bela Talbot que era uma caçadora de artefatos mágicos. Como se já não bastasse se envolver com coisas malignas, ela usava suas habilidades para conseguir tudo que queria e colocava os irmãos em situações bem inusitadas (bem mesmo), colocando a vida deles em risco cada vez que aparecia. Teve um fim trágico quando seu prazo de dez anos acabou e um demônio a matou, por fazer um pacto no passado. Ela era inteligente e estrategista.

MEG MASTERS

Meg foi uma das primeiras aparições femininas marcantes da série, dando trabalho aos irmãos logo na 1ª temporada. Foi por ela que os espectadores conheceram um pouco (pela 1ª vez) sobre os demônios que logo em seguida veríamos com mais frequência. Apesar de quase conseguir matar os caçadores no início e ser a responsável pela morte de Jo e Ellen (5x10), Meg ganhou os fãs quando apresentou sinais generosos ajudando Sam, Dean e Castiel em algumas situações. Ela era uma personagem forte, corajosa e sarcástica, até ter sua vida tirada por Crowley em um momento da 8ª temporada onde ajudava os rapazes.

Menções honrosas:
Apesar de não terem tido tantas aparições ou um papel tão marcante quanto as citadas acima, outras personagens femininas chamaram atenção também, e mesmo não sendo lembrada de todas, aqui estão mais alguns nomes: Jessica Lee More (1ª temporada), Sheriff Kathleen Hudak (1x15), Sister Jo (13ª temporada), Billie (ceifadora), Sarah Blake (1x19), Tessa (ceifadora), Lisa (3ª à 6ª temporada),  Anna Milton (anja), entre outras.


Agora que já lembramos do girl power que Supernatural nos apresentou, você consegue dizer qual a personagem feminina favorita? Vote na nossa enquete e vamos descobrir a favorita:

Qual a personagem feminina mais impactante de Supernatural até agora?
Abaddon
Amara
Bela Talbot
Charlie
Claire Novak
Donna
Ellen & Jo
Jody Mills
Kelly Kline
Lilith
Mary
Meg Masters
Rowena
Ruby

Gostou? Então compartilhe:

Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Gostei do artigo! Bem nostálgico e incrível com personagens icônicas!

    ResponderExcluir

Design por: Jéssica Winchester | Ajudaram: